segunda-feira, 3 de agosto de 2009

Professores aconselham estudar com provas anteriores; veja como fazer

Da Redação

Em São Paulo


A maratona de provas do vestibular se aproxima. E os simulados já começam a testar o conhecimento dos pré-vestibulandos nas escolas e nos cursinhos preparatórios. Para ampliar o material de estudo nessa época, a dica de professores é reaproveitar provas que já foram aplicadas em concursos anteriores para revisar o conteúdo.

"É um material fundamental para treinar e saber de que forma as questões caem nas avaliações", diz o professor Edimilson Motta, coordenador do curso Etapa.
É preciso ficar de olho no relógio. "O melhor é fazer a prova completa para ter controle do tempo que se gasta para responder cada questão", aconselha Edimilson. O tempo, segundo ele, pode ser gasto da seguinte maneira: até 3 minutos no caso de múltipla escolha e uma média de 15 minutos em questões discursivas.

Outro macete para não ter que correr contra o tempo é começar a responder sempre as questões mais fáceis. "É fundamental ler toda a prova antes de tudo e marcar as perguntas que o aluno julga estar por dentro, mas que são mais trabalhosas. Ele deve começar com as mais fáceis e seguir para as mais difíceis, porque ele pode se enrolar com as trabalhosas e não dar tempo", orienta Nicolau Marmo, coordenador do curso Anglo.

Mais do que um álbum de figurinhas
Depois de resolver a questão, é hora de saber se acertou ou não. "Tem que ser chato no julgamento. Não é apenas checar se o número bateu ou se tem a palavra-chave. O estudante tem que focar na leitura e se perguntar se fez o melhor, se colocou todas as idéias necessárias e o que faltou", diz Edimilson.

Refazer a questão é aconselhável. "É bom dar um tempo para tentar reelaborar a resposta". E se surgir dúvidas, a saída é consultar o livro ou o professor.

Para treinar, segundo o professor do Etapa, não é preciso pegar a última prova aplicada no vestibular. "Pode ser um teste de dois ou três anos atrás. O grande desafio é saber aproveitar e saber resolver uma questão semelhante. É mais do que completar um álbum de figurinhas".

Além das dicas para a hora da prova, Marmo recomenda não abrir mão da programação de lazer antes do vestibular. "É preciso manter o ritmo de vida normal. Estudar de madrugada, nem pensar. O momento pede boas condições físicas e emocionais. O essencial é distribuir o tempo entre o estudo, a família e o lazer".

Um comentário:

Millena disse...

oi sou a professora Millena estou dando aula de matemática, queria muito saber as perguntas do que vai cair na olimpieda de matematica,para mim falar para meus alunos o que estudar ta pq eles estão doidos querendo saber...
espero que vcs mim respondan...